Vagas de emprego desta segunda (05) para Araripina, Salgueiro e Petrolina (PE)

Foram divulgadas nesta segunda-feira (05), as vagas de emprego disponíveis para as cidades de Araripina, Salgueiro e Petrolina no Sertão de Pernambuco. As oportunidades são disponibilizadas pela Agência do Trabalho de Pernambuco.

Os interessados procurar uma Agência na sua cidade, munida de documentos pessoais e currículo.

Araripina

Atendimento ao público: 07h às 13h

Contato: (87) 3873 – 8381

Vagas disponíveis

Vagas Função Escolaridade Experiência Observações
01 Professor de cursos profissionalizantes Médio completo Ministrar aulas de mecânica de motos
01 Professor de cursos profissionalizantes Fundamental completo Ministrar aulas na area de eletrica
01 Vendedor atacadista Médio completo 6 meses Possuir transporte próprio e CNH
01 Pizzaiolo Fundamental completo 6 meses

Salgueiro

Atendimento ao público: 07h às 13h

Contato: (87) 3871 – 8467

Vagas disponíveis

Vagas Função Escolaridade Experiência Observações
01 Secretária Médio completo Com experiência na CTPS Curso de Informática

 

Petrolina

Atendimento ao público: 7h às 13h

Contato: (87) 3866 – 6540

Vagas disponíveis

Vagas Função Escolaridade Experiência Observações
01 Costureira em geral 6 meses CTPS
01 Instrutor de informática Superior completo 6 meses CTPS
01 Padeiro Médio completo 6 meses CTPS
01 Professor de inglês Superior completo 6 meses CTPS
01 Técnico em enfermagem Médio completo 6 meses CTPS Trabalhar em Lagoa Grande
01 Vendedor de serviços Médio completo 6 meses CTPS
01 Vendedor pracista Médio completo 6 meses CTPS

Da Redação do Blog do Paulo  Por G1

Homem é esfaqueado por sua própria esposa em Distrito de Araripina

Vítima foi socorrida ao Hospital de Ouricuri, e permanece em estado de saúde grave. Foto ILUSTRATIVA

Uma mulher foi presa neste domingo (3), no distrito de Morais, em Araripina (PE), no Sertão do Araripe, por tentativa de homicídio. De acordo com a 9ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), ela esfaqueou o próprio companheiro na madrugada de hoje.

A vítima foi socorrida ao Hospital de Ouricuri, e permanece em estado de saúde grave. A tentativa de homicídio teria sido motivada por uma briga entre o casal. Após o crime, a mulher fugiu.

Já na manhã deste domingo, a irmã da vítima acionou a polícia e contou onde a autora da tentativa de homicídio estava escondida. Chegando lá, os policiais detiveram a mulher, identificada apenas como “Eliza”, a qual assumiu a autoria do crime, sendo também apreendida a faca utilizada na ação ainda com vestígios de sangue. A acusada foi conduzida à Delegacia de Ouricuri.

‘Vamos ganhar a eleição’, diz Marília Arraes em entrevista á Rádio Folha

“Quem vai para os segundo turno somos nós do PT e vamos ganhar a eleição”, cravou Marília confiante Foto: Felipe Ribeiro/FolhaPE

A vereadora do Recife, Marília Arraes (PT), está mais confiante do que nunca na sua candidatura ao Governo do Estado, neste ano. Em entrevista à Rádio Folha 96,7 FM, nesta segunda-feira (05), afirmou que sua postulação tem mostrado viabilidade e não faz sentido “voltar atrás”. Além disso, colocou que acha difícil uma aliança entre PT e PSB, baseada na “troca de favores e cargos”. “Quem vai para os segundo turno somos nós do PT e vamos ganhar a eleição”, cravou.

Ao falar sobre a especulação em torno da aproximação entre o PSB e o PT, Marília destacou que “nenhuma liderança nunca assumiu essa posição de aliança com o PSB”. “Até porque o povo não aceita mais esse tipo de aliança. De opositores que se combatem todos os dias e de repente fazem uma conta de que é melhor para eleger A, B ou C, ou fazer uma composição em troca de favores e de cargos, e de repente saírem de mãos dadas se apoiando, arrumando justificativas políticas para se apoiar. Isso não funciona mais. Eu aposto que a gente precisa fazer política diferente. Por isso que entrei no PT e aceitei essa missão de ser candidata”, pontuou.

Questionada sobre as recentes manifestações de membros da oposição, que observam sua candidatura como a oportunidade para provocar o segundo turno, a petista se mostrou confiante de que irá vencer o pleito. “Se eles gostam ou não da nossa candidatura não faz diferença para a gente. Agora se estão achando que a nossa candidatura vai ajudar um deles a ir para o segundo turno estão muito enganados. Quem vai para os segundo turno somos nós do PT e vamos ganhar a eleição. É para isto que a candidatura está posta. Não é para provocar segundo turno. Não é para marcar posição”, garantiu.

Na sua visão, a retirada de sua postulação “seria uma agressão à militância e todos que estão acreditando no projeto”. “Acredito que hoje com a situação política que o País vive e com essa tentativa de criminalização do PT, seria muito complicado retirar uma candidatura como a nossa, que tem ganhado força. E as pessoas estão acreditando. Só tem a crescer. Não teria sentido retirar uma candidatura com viabilidade como a nossa, por qualquer outro motivo que não seja ideológico e sim pragmático”, opinou a petista, que já começou a colher as assinaturas para registrar a sua pré-candidatura.

Por Daniel Leite/FolhaPE

Criança é novo caso suspeito de febre amarela em Pernambuco

A menina de 3 anos viajou para São Paulo e voltou com sintomas da doença

Uma criança de 3 anos de idade é o quinto caso notificado como suspeito de febre amarela no Estado. A menina é moradora do município do Paulista, na Região Metropolitana do Recife (RMR) e esteve em São Paulo no último mês. A vigilância epidemiológica de Paulista informou que a criança viajou com a avó no dia 10 de janeiro e voltou dia 25. As duas ficaram hospedadas na casa de parentes no bairro de São Miguel, em São Paulo Capital.

Ela foi atendida no último domingo (04) no Hospital Maria Lucinda, no Recife, apresentando febre e dores de cabeça, abdominal e de garganta. A menina, que não é vacinada, foi liberada no próprio domingo após exames que atestaram um quadro de virose, segundo o superintendente de Vigilância em Saúde do Paulista, Fábio Diogo. O gestor destacou que na época da viagem a capital paulista não estava elencada como área de risco. A Secretaria Estadual de Saúde (SES) juntamente a cidade, segue investigando o caso. Além da criança, um outro paciente foi comunicado ao Estado, mas não atendeu a definição de caso do Ministério da Saúde.

Até o momento, dos quatro casos notificados anteriormente, dois foram descartados e dois (pai e filha moradores de Bezerros) estão aguardando os resultados laboratoriais. Todas as notificações foram de pessoas que tiveram passagens por áreas endêmicas como o estado de São Paulo. Como todos os casos são importados e não há qualquer evidência da circulação do vírus, Pernambuco continua fora da área de risco e sem necessidade de vacinação populacional.

Empresa é ‘reprovada’ em teste de voto impresso no TSE

O voto impresso é uma das novidades previstas na minirreforma eleitoral Foto: Divulgação

A empresa Smartmatic foi “reprovada” em um teste de impressão de voto realizado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), informou nesta segunda-feira, 5, uma comissão de assessoramento técnico da Corte Eleitoral. O grupo concluiu que o “modelo de engenharia” da Smartmatic – primeira colocada em licitação aberta pelo TSE – não atende às exigências do edital.

De acordo com a comissão de assessoramento técnico do TSE, os códigos QRs impressos pelo modelo da Smartmatic “foram lidos corretamente” por aparelhos eletrônicos, mas suas medidas “não atenderam às exigências”. Desta forma, a comissão concluiu que o modelo em análise “não atende ao edital”.

A licitação do voto impresso ainda está em fase de habilitação técnica e a segunda empresa colocada no edital será convocada, informou a assessoria do tribunal.

Procurada pela reportagem, a Smartmatic informou que aceita e respeita a decisão tomada pelo TSE. “O nosso desejo é de seguir participando das licitações organizadas pela Corte Eleitoral nas quais possamos agregar valor”, comunicou a empresa, de origem venezuelana e sede em Londres.

Implantação

O voto impresso é uma das novidades previstas na minirreforma eleitoral, sancionada com vetos, em 2015, pela presidente cassada Dilma Rousseff. O TSE estima que 30 mil urnas do novo modelo deverão ser utilizadas já em 2018, mas ainda não definiu as localidades que as receberão. A licitação gira em torno de R$ 65 milhões.

O registro do voto em papel será feito por impressoras acopladas às urnas. Após digitar os números do candidato, o eleitor poderá conferir em um visor de acrílico o voto impresso, que cairá em uma urna lacrada. Não será possível tocar ou levar para casa o papel, que será eventualmente conferido depois em caso de pedido de recontagem.

Retrocesso

A controvérsia com a impressão de voto já chegou ao Supremo Tribunal Federal (STF). Nesta segunda-feira, a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, entrou com uma ação direta de inconstitucionalidade na Suprema Corte contra o registro do voto em papel.

Para a procuradora-geral da República, a reintrodução do voto impresso “caminha na contramão da proteção da garantia do anonimato do voto e significa verdadeiro retrocesso”. Por isso, Raquel Dodge pede a concessão de medida cautelar para suspender a implantação da medida.

O pedido de medida cautelar para barrar a implantação do voto impresso será analisado pelo ministro Luiz Fux, que assumirá a presidência do TSE nesta terça-feira, 6.

Indefinição de João Paulo, ex-prefeito do Recife, mostra fraqueza para as eleições

Ex-prefeito do Recife, João Paulo (PT), continua em cima do muro nas eleições de 2018

O ex-prefeito do Recife, João Paulo (PT), aos 65 anos, mostra fraqueza política ao se indefinir com relação à candidatura da vereadora do Recife, Marília Arraes (PT), ao Governo de Pernambuco, nas eleições deste ano.

O petista que ascendeu a política ocupando a presidência da CUT de Pernambuco em 1988, e sendo vereador do Recife no mesmo ano, agora tem o destino do Partido dos Trabalhadores (PT) em suas mãos.

João Paulo pode escolher dois caminhos para as eleições deste ano, um deles é tornar-se uma figura emblemática, lançando-se deputado federal e com o apoio da neta de Miguel Arraes, dando e recebendo sustentação eleitoral na Região Metropolitana do Recife (RMR) e no sertão pernambucano.

A segunda é acabar com a história da legenda, colocando-se como candidato a vice-governador ou senador na Frente Popular de Pernambuco, onde renderia sua alma ao “diabo”, após sua base política ter sido traída com a candidatura de Eduardo Campos a presidência da república e o apoio de Paulo Câmara (PSB) ao impeachment da ex-presidente, Dilma Rousseff.

Na primeira escolha, João Paulo corre o risco de não ocupar uma cadeira na Câmara Federal, no entanto, mesmo perdendo a eleição e Marília Arraes ganhando as eleições ao Palácio do Campo das Princesas, ocuparia função de destaque no governo e, ainda, seria o candidato majoritário e com respaldo da máquina pública estadual, candidato a prefeitura do Recife em 2020.

Sem dúvidas, esse caminho é arriscado, mas, um político de verdade escolhe ser protagonista e não voltar à velha aliança e a base que já deu o que tinha que dar para Pernambuco. Se não fosse assim, seu partido e sua militância não estariam no campo da oposição. Qualquer tipo de aliança é pura conveniência e, praticamente, entrega a vitória ao bloco de oposição, capitaneado pelo senador Armando Monteiro e Fernando Bezerra Coelho.

No final das contas, João Paulo tem a palavra final, seja de marchar com Marília Arraes ou Paulo Câmara. Entretanto, a questão agora é: ser cabeça ou calda? Ser fraco ou forte? Manter o discurso ou apagá-lo? Se reinventar ou deixar a hegemonia reinar?

Serão perguntas que um político do calibre de João Paulo não poderá continuar fraquejando para respondê-las, pois, ao tempo que seu nome representa força política, reverbera fraqueza para o Partido dos Trabalhadores (PT) e para a militância petista. Há quem diga que essa fraqueza se estende para o senador Humberto Costa e o deputado estadual Odacy Amorim, que continua a um passo de trocar a bandeira vermelha pela amarela.

Marília Arraes diz que candidatura própria não tem volta. Foto: Robério Sá

CANDIDATURA PRÓPRIA – A vereadora do Recife, Marília Arraes (PT), deu entrevista à Resenha Política, declarando que sua candidatura ao Palácio do Campo das Princesas não tem volta. “Não vejo hoje como haver uma retirada dessa candidatura própria”.

Na sabatina, a petista mostrou-se contrariada a rotulação de que sua candidatura é para provocar um segundo turno, como tem sido pregado pelo senador Armando Monteiro, Silvio Costa e, recentemente, pelo senador Fernando Bezerra Coelho. “Eu não estou colocando meu nome, de forma alguma, para provocar segundo turno. Nós estamos sendo candidatos para ir para o segundo turno. E as pesquisas mostram isso, a preocupação dos adversários mostra isso. Eles deveriam era se preocupar com o campo político deles […] enfim, cuidar da vida deles”, declarou.

UNIDADE NA OPOSIÇÃO – O grupo das oposições continua pregando a candidatura de Marília Arraes (PT) ao governo do estado. A motivação é bem perspicácia, caso a petista seja candidata continuará a unidade no bloco das oposições, capitaneado pelos senadores Armando Monteiro (PTB), Fernando Bezerra Coelho (MDB), mais os deputado federais Bruno Araújo (PSDB), Mendonça Filho (DEM) e Fernando Filho (Sem Partido).

Se aliança entre PSB e PT não se firmar, o bloco terá que se dividir em duas chapas, com duas candidaturas ao governo e quatro ao senado. De certo, já se sabe que o grupo, supostamente, não faria nem um senador e apenas um dos candidatos iria ao segundo turno contra Paulo Câmara. Por isso, nos bastidores a oposição grita: “vai Arraes, vai Arraes”.

Por Robério Sá

Agricultor é acusado de estuprar idosa na zona rural de Ouricuri

A idoso se encontrava em sua casa, quando o acusado adentrou e praticou o ato abusivo Foto ILUSTRATIVA

O agricultor Gonçalo Rodrigues da Silva, de 38 anos, é acusado de ter estuprado uma idosa de 69 anos no Sítio Boa Vista, zona rural de Ouricuri. Segundo a Polícia Militar o crime foi praticado no último sábado, 03 de fevereiro.

A vítima disse a polícia que, a mesma se encontrava em sua casa na noite, quando Gonçalo adentrou em sua residência, e em seguida praticou o ato abusivo, a mulher disse ainda, que o autor do delito se encontrava em posse de uma arma branca.

A Polícia realizou diligencia até a residência do autor do crime e foi dada a voz de prisão. Todos os envolvidos foram encaminhados a Delegacia de Polícia Civil (DPC) de Ouricuri para serem tomadas as providencias.

Por Cariri Filho

Gasolina: 3ª alta consecutiva para preço na refinaria, anuncia Petrobrás

Foto: Felipe Rosa

A Petrobras elevará os preços da gasolina nas refinarias pela terceira vez consecutiva na terça-feira, com alta de 0,5 por cento, de acordo com comunicado publicado em seu site.

Os reajustes fazem parte da nova sistemática de formação de preços da companhia, em vigor desde julho do ano passado e que prevê alterações quase que diárias nas cotações dos combustíveis.

Em paralelo, os preços do diesel nas refinarias serão elevados em 0,6 por cento, informou a Petrobras nesta segunda-feira.

Rodrigo Maia defende prioridade para reforma da Previdência durante abertura do ano legislativo

Para Maia, não há mais justificativa para adiar a análise da matéria Foto: Reprodução Internet

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, reafirmou na abertura do ano legislativo, nesta segunda-feira (5), que a votação da reforma da Previdência deve ser uma prioridade.

Para Maia, não há mais justificativa para adiar a análise da matéria. Ele avalia que os estudos apresentados estão bem embasados e que os números não deixam dúvida quanto à urgência do tema.

“A sociedade vem clamando de todos nós por um Brasil mais simples e mais igual. Igual entre o poder público e o setor privado, uma previdência pública que garanta aos servidores públicos os mesmos direitos do trabalhador mais simples que ganha um salário mínimo” disse Maia, durante a sessão conjunta (Câmara e Senado) de abertura do ano legislativo

Ainda sobre a reforma da Previdência, Maia acrescentou que não há constrangimento algum em defendê-la. “A reforma da Previdência, de forma nenhuma, está colocada para beneficiar alguém. Ela vem para garantir igualdade e é essa igualdade que a sociedade está esperando da política brasileira”, completou Maia.

Finanças públicas
Outro tema prioritário apontado pelo presidente da Câmara é a recomposição das finanças públicas. Maia defendeu uma revisão das despesas obrigatórias previstas no Orçamento e de incentivos fiscais, benefícios tributários e desonerações.

“Não é só a Previdência. 100% do orçamento da União está comprometido. Reformar as despesas do estado é o único caminho. É por isso que eu tenho dito: ninguém governará o Brasil no próximo ano se as reformas das despesas não forem feitas”, disse o presidente da Câmara.

Citando como exemplo a crise financeira e de segurança por que passa o Rio de Janeiro, seu estado, Maia falou ainda sobre encontro com governadores na tarde desta segunda-feira na residência oficial da Câmara dos Deputados. “A situação de todos é cada vez pior e quem paga a conta é o cidadão comum”, disse.

Extrema pobreza
Maia defendeu um diálogo mais transparente com a sociedade. “A gente não vai melhorar a vida daqueles quatro milhões de brasileiros que voltaram para extrema pobreza por causa da crise que vivemos fazendo o discurso fácil. A gente vai tirar essas pessoas da pobreza se nós falarmos a verdade”, finalizou Maia.

O presidente da Câmara defendeu, por fim, que algumas privatizações, como a da Eletrobras, podem melhorar os investimentos públicos e a eficiência das empresas públicas.

A Câmara analisa duas propostas que autorizam a privatização da Eletrobras (Medida Provisória 814/17 e Projeto de Lei 9463/18, do Executivo).

Acidente na Perimetral tira vida de jovem em Araripina

Foto: Grupo WhatsApp

Mais um acidente ocorreu no inicio da noite deste domingo (04) na Avenida Perimetral em Araripina, cidade no sertão do Araripe, envolvendo moto e um caminhão, nas proximidades do entroncamento com a BR 316, tendo uma vítima fatal.

A moto pilotada pelo jovem Rafael Jonhantan, de 24 anos, se chocou com o veiculo, ocasionando um grave acidente deixando-o com traumas na cabeça. O jovem foi socorrido para o Hospital e Maternidade Santa Maria, aonde já chegou sem os sinais vitais.

Rafael trabalhava na empresa distribuidora de Gás de Gilberto Pitu e residia no Bairro Alto da Boa Vista em Araripina, segundo informações.

Rafael em momento de lazer com familiares na Ilha do Sol em Petrolina Foto: Facebook Rafael

Da Redação do Blog do Paulo 

Trabalhadoras podem requerer salário-maternidade automaticamente no Site do INSS

A mudança será possível por meio de uma integração entre a base de dados do INSS com a dos cartórios do país

Trabalhadoras não precisarão mais ir até um posto do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) para requerer o salário-maternidade. A partir de hoje, a concessão desse benefício deve acontecer automaticamente.

A mudança será possível por meio de uma integração entre a base de dados do INSS com a dos cartórios do país. Isso permitirá que o INSS cheque se as mães das crianças registradas nos cartórios são seguradas e estão aptas ao recebimento do benefício.

Francisco Lopes, presidente do INSS, diz que a concessão deve ocorrer automaticamente em até 48 horas após o registro da criança em cartório. “Depois desse prazo, a mãe entra em contato pelo site ou pelo telefone 135 e verifica se o benefício foi processado”, disse a VEJA.

Se o salário-maternidade não tiver sido concedido automaticamente, a segurada terá que ir pessoalmente até uma agência do INSS para dar entrada no pedido.

Para que o benefício seja concedido automaticamente é preciso que os dados cadastrais da mãe estejam corretos. A partir de agora, a correção da informação poderá ser feita pelo próprio segurado no site do INSS.

Segundo Lopes, as medidas fazem parte do plano do INSS de reduzir as filas para atendimento dos segurados. “O objetivo é que os deslocamentos sejam feitos apenas para casos em que haja necessidade de atendimento pessoal.”

Desde o ano passado, o INSS passou a conceder automaticamente a aposentadoria urbana por idade. A partir da segunda quinzena, o segurado que cumprir as exigências para se aposentar por tempo de contribuição poderá pedir o benefício pela internet ou telefone.

“Milionário da Mega Sena” foi morto a tiros esta madrugada em Campos Sales

Miguel era conhecido como o “Milionário da Mega Sena” por acharem que tinha ganho Mega o valor de R$ 39 milhões em SP Foto: Grupo WhatsApp

Um homicídio foi registrado por volta das 02h30min da madrugada deste domingo em uma seresta no Bar e Pizzaria Ponto da Pizza que funciona na Rua Vicente Alexandrino (Bairro Alto Alegre) em Campos Sales. O autônomo Miguel Ferreira de Oliveira, de 50 anos, que residia na Rua Coronel Eneas Arraes no centro da cidade, participava da festa quando foi surpreendido por três tiros efetuados por um homem que dele se aproximou e, sem qualquer discussão, sacou uma arma para efetuar os disparos.

Miguel era conhecido como o “Milionário da Mega Sena” e foi lesionado à “queima roupa” morrendo na mesa em que se encontrava no interior do estabelecimento. A polícia foi avisada e patrulhas com os Sargentos Roberto Bezerra, F. Alves, o Cabo Janio e os Soldados Joênio, J. Alves e Charles diligenciaram à procura do acusado que saiu caminhando e adentrou um terreno baldio que dá acesso à outra rua, onde funciona um posto de combustíveis.

Em Campos Sales as informações eram de que o mesmo ganhou prêmio da Mega Sena no valor de R$ 39 milhões em São Paulo quando, em 2011, inflacionou o mercado imobiliário local comprando imóveis. Miguel era suspeito de ser usuário de cocaína, vivia de aluguéis e tido como um boêmio que até teria chegado a flertar mulheres casadas. Ele respondia procedimento junto à Comarca de Mogi das Cruzes (SP) e, em Campos Sales, Ação Penal por embriaguez ao volante e desacato a uma equipe do RAIO em dezembro de 2016 quando foi solto após pagar fiança.

Este foi o primeiro homicídio do ano em Campos Sales, onde 15 pessoas tombaram mortas no decorrer do ano passado. O último tinha ocorrido na noite do dia 20 de dezembro, na Travessa Alexandrino por trás do CVT no bairro Alto Alegre, onde Ailton de Sousa Soares, de 22 anos, o “Capitão”, foi morto com quatro tiros por dois homens que fugiram numa moto. Ele morava na Rua Padre Valdomiro naquele bairro e respondia por crimes de estupro e furto.

Por Demontier Tenório

Prefeito de Serra Talahda sai em defesa de Marília Arraes no PT de PE

Luciano Duque deu a ideia de lançar pré-candidatura oficial de Marília Arraes em Serra Talhada

À frente da maior cidade governada pelo PT em Pernambuco, o prefeito de Serra Talhada (Sertão), Luciano Duque, tem se mostrado uma figura central nas articulações para o fortalecimento interno do projeto de candidatura da vereadora do Recife Marília Arraes (PT) ao governo do Estado e popularização do seu nome no interior. Desde que demonstrou interesse em disputar a eleição majoritária deste ano, a petista encontrou o apoio de movimentos de base, prefeitos e de alguns dirigentes, mas alas da legenda que defendem outras candidaturas ou uma aliança com o PSB do governador Paulo Câmara resistem à empreitada da ex-socialista.

Um dos movimentos da dupla para enfrentar a oposição foi feito no último fim de semana, quando a pré-candidatura de Marília foi lançada oficialmente, em Serra Talhada, numa ideia do próprio Duque. “Sem dúvida a figura do prefeito Luciano Duque foi essencial não só porque Serra Talhada é a maior prefeitura governada pelo PT em Pernambuco hoje, mas pela gestão que ele tem feito uma das mais bem avaliadas do Estado. Tem o peso político, de conteúdo e de construção”, disse a vereadora.

Diretórios de todo o Estado foram convocados para o ato em Serra Talhada e cerca de 80 compareceram ao Ginásio Poliesportivo Egídio Torres. Segundo a organização do evento, 3 mil pessoas participaram. “Havia muita gente lá, mas o mais importante é a representatividade. Havia mais de 80 diretórios presentes (…). Após sair daqui, Marília ainda rodou toda a região de Itaparica, depois a companheira já estava no Araripe, andou parte do Sertão Central e tem tido muita força, muita coragem nesse trabalho de aproximação, de escuta com o povo”, avaliou Duque.

Questionado sobre a falta de apoio à Marília de quadros importantes do PT pernambucano, como o ex-prefeito João Paulo e o senador Humberto Costa, Duque diz que compreende o primeiro, que defende a pré-candidatura do deputado federal Odacy Amorim ao Palácio do Campo das Princesas, mas questiona o segundo, que tem relacionado decisões locais a questões nacionais da agremiação, não descartando uma aliança com o PSB.

“Há um desejo do grupo do governador Paulo Câmara no sentido de construir uma aliança entre o PT e o PSB em Pernambuco. No cenário nacional, entretanto, o PSB está dividido. Em nenhum momento eles sinalizaram que estariam coesos apoiando a candidatura de Lula. Então como nós vamos discutir aliança como Humberto coloca? Dizendo que os interesses nacionais estão acima dos interesses locais? Eu creio que esse discurso apequena a discussão e fere a autonomia de todo um conjunto de forças que desejam que o PT seja protagonista desse processo político”, disparou o gestor municipal. Procuradas pela reportagem, as assessorias de imprensa do PSB e de Humberto Costa disseram que não comentariam as declarações.

ASSINATURAS
Em mais um gesto no sentido de dar corpo ao projeto de candidatura da petista, Duque adianta que eles dois, e seus apoiadores, continuarão a percorrer o Estado recolhendo assinaturas de membros dos diretórios municipais em apoio à vereadora. A intenção do grupo, segundo Duque, é, até março, promover um ato no Recife para pressionar a legenda a lançar candidatura própria e cobrar do presidente da sigla, Bruno Ribeiro, a convocação de eleições internas para definir quem, de fato, representará a sigla no pleito deste ano.

Sobre a movimentação do prefeito, após classificá-lo como uma liderança “muito estimada e respeitada”, Ribeiro afirmou que na próxima semana haverá uma executiva para ajustar o calendário partidário nacional ao local e que questões como eleições internas serão abordadas no encontro. Segundo a programação da Executiva Nacional, as inscrição de pré-candidatos a governador ocorrerão entre 26 de março e 6 de abril. As prévias devem ser realizadas entre os dias 5 e 20 de maio.

Por Robério Sá

Caminhão tomba carregado de óleo na “Rodovia da Morte”

Apesar da gravidade, o motorista não ficou ferido

Na tarde de sábado (03/02), um caminhão de uma empresa privada carregado de óleo lubrificante tombou próximo a cidade de Alvorada do Gurgueia, na BR-135, Sul do Piauí.

Apesar da gravidade do acidente, o motorista não ficou ferido. A vítima acionou a Polícia Militar da cidade que se deslocou até o local. A carga não foi saqueada devido a presença da polícia que inibiu os populares.

De acordo com o condutor, a causa do acidente foi a mesma das outras várias vítimas: falta de acostamento e pista fora dos padrões. Com as chuvas que ocorrem com frequência nesta época do ano a rodovia fica ainda mais perigosa, por isso, a PRF pede mais atenção dos motoristas.

Por Mayara Dias

Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 56 milhões na terça-feira

O concurso 2010 da Mega-Sena, realizado ontem em Macapá, no Amapá, ficou com o prêmio acumulado. Eis os números sorteados: 08 – 10 – 18 – 34 – 39 – 56. As informações são da site da Caixa Econômica Federal.

A quina teve 106 apostas ganhadoras com R$ 33.705,40 para cada uma delas. Já a quadra registrou 7.436 apostas ganhadoras, com R$ 686,38 para cada uma.
A estimativa de prêmio para o próximo concurso, dia 6, terça-feira, é de R$ 56 milhões.

Mulheres recorrem à Justiça para conseguir laqueadura de trompas

Muitas famílias que já tiveram filhos consideram recorrer a um método de esterilização, como a laqueadura ou a vasectomia, para evitar novas concepções. No Brasil, os procedimentos devem ser feitos pelo Sistema Único de Saúde, sem custos, quando cumpridas as exigências da Lei 9.263.

O documento autoriza o procedimento em mulheres e homens acima de 25 anos ou pelo menos dois filhos vivos. No caso de mulher casada, apesar de ser uma exigência controversa, questionada no Supremo Tribunal Federal, é preciso apresentar ainda autorização do cônjuge.

A defensora pública Alessandra Bentes, que acompanha os casos, afirmou que as mulheres esbarram no desconhecimento da lei pelo próprio Estado. “São agentes de saúde, médicos, enfermeiros, diretores de hospitais, até as próprias secretarias municipais de saúde, que não conhecem os direitos dessas mulheres e não fazem a laqueadura, tampouco, informam sobre as exigências legais, muito embora existam casos que preenchem todos requisitos, mas que o SUS, por si só, não faz os procedimentos ao arrepio da lei”, disse.

No estado do Rio de Janeiro, mesmo quando todos os requisitos da lei são cumpridos, mulheres não conseguem fazer a laqueadura. É o caso de Lislane Silva Oliveira, que aos 34 anos, já tem seis filhos. “Eu já fui ao posto de saúde, já fiz o curso de planejamento familiar, evito filhos tomando remédios ou injeção, mas acho que a laquedura é melhor”, ressaltou.

Moradora de um dos bairros mais pobres de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, Lislane faz parte de um grupo de 60 mulheres do município, sendo 40 do mesmo bairro, que recorreram à Defensoria Pública do Estado para fazer a esterilização. O órgão, no entanto, tem precisado entrar com ações na Justiça para garantir a cirurgia e chegou a propor um acordo extrajudicial ao município, para que regularize a oferta do serviço nos termos da lei. Procurada por e-mail e telefone, a prefeitura  de Caxias não respondeu à Agência Brasil.

Laqueadura no parto
Mãe de duas crianças, Bianca da Cruz, conseguiu fazer a laqueadura há dois meses, na mesma cirurgia de nascimento de seu terceiro bebê, por intervenção da defensoria. “O [filho] mais velho eu tive com 18 anos, o outro, com 22 anos, o terceiro, nasceu agora, no dia do meu aniversário, quando fiz 25 anos e eles me operaram. Mas o médico não queria, disse que eu era nova, que poderia ter outro casamento, outro filho, mas eu estava firme e queria a laqueadura”, disse.
Para fim de semana
A cirurgia de Bianca só foi possível porque a Defensoria Pública também tem solicitado autorização para que a esterilização seja feita durante o parto por cesariana, em alguns casos, o que é proibido por lei – uma tentativa de evitar decisões precoces, procedimentos arriscados ou contra a vontade das mães. Porém, na avaliação de Alessandra, para muitas mulheres não haverá outra oportunidade de se submeter a outra cirurgia e se afastar de suas funções cotidianas.
“Fazer com que uma mulher que já têm filhos, por exemplo, bebês, que já têm de enfrentar toda essa situação, que está se recuperando de um parto, esperar mais 60 dias para fazer a laqueadura é muito difícil”, disse a defensora. “Depois, quando ela estiver bem, voltando a para suas atividades, voltando ao trabalho, irá novamente para o hospital?”, questionou.
De acordo com a defensoria pública, a mulher corre menos riscos quando é tudo feito de uma só vez e custo passa a ser menor para o serviço de saúde, por aproveitar a equipe medica no momento do parto cesárea, a internação e a ocupação de um leito, por exemplo.
Política de planejamento familiar
No entanto, a médica Jurema Werneck, diretora da Anistia Internacional, especialista em temas relacionados à raça, gênero, alerta que as laqueaduras não podem ser oferecidas no lugar de métodos contraceptivos gratuitos, o que também é direito da mulher. “A laqueadura não é um método é uma cirurgia de esterilização irreversível e não protege de doenças sexualmente transmissíveis como HIV/Aids, gonorreia e sífilis, que agora está voltando”, afirmou. Até a década de 1990, lembra, a técnica foi usada “de forma perversa” contra mulheres pobres, negras e indígenas, como forma de controle da natalidade forçado. Hoje, acaba sendo uma saída para mulheres que não conseguem negociar a relação sexual com seus parceiros, reflexo do sexismo, avaliou.
Segundo a médica, a laqueadura, por seu uma cirurgia e envolver riscos, além de efeitos colaterais, deve ser a última escolha. “Essa opção pode ser lida tanto pela chave da impotência [da mulher], quando o serviço [de saúde] não oferece métodos contraceptivos nem para ela nem para o parceiro, da misoginia e do sexismo, fazendo com que o parceiro recuse o uso, mas também pode ser uma tentativa legítima da mulher garantir uma autonomia”, disse.
De acordo com o Ministério da Saúde, a cirurgia deve ser oferecida em qualquer unidade que atenda ginecologia, obstetrícia ou maternidade. As mulheres podem fazer a solicitação já no pré-natal e devem receber informações sobre riscos, efeitos colaterais, além de esclarecimentos sobre outros métodos contraceptivos eficazes e reversíveis como o DIU. O dispositivo teve a distribuição aumentada e é oferecido nos postos de saúde e maternidades.
Nas contas preliminares da pasta, em 2017, foram feitas pelo SUS mais de 60 mil cirurgias de laqueadura, sendo 30,4 mil junto com as cesarianas.

Filho de ex-vereador morre em acidente nesta sexta-feira (02) em Parnamirim-PE

Junior de Zé Izidoro faleceu ainda no local do acidente Foto: Grupo WhatsApp

Por volta do meio dia desta sexta-feira (02), aconteceu um acidente de transito na BR 232 proximo a cidade de Parnamirim. Junior de Zé Izidoro, dirigia seu caminhão quando perdeu o controle do mesmo e capotou. Junior morreu na hora e o caminhão ficou bastante destruído, até momento ninguém sabe ao certo o que causou o acidente.

O pai de Junior, o agricultor Zé Izidoro foi vereador de Parnamirim por cinco mandatos. O corpo de Junior está sendo velado em sua residência que fica no povoado do Jacaré, região rural do município de Parnamirim. O sepultamento de Junior de Zé Izidoro será as 16:00 horas deste sábado (03), no cemitério da fazenda Nova que fica a 5 Km do povoado do Jacaré.

Por Didi Galvão

Movimento pela pavimentação da PE 630 realizará encontro em Distrito de Ouricuri

Na foto a chegada do Distrito de Socorro, em Santa Filomena, por onde passará a PE 630 Foto Editada: Blog do Paulo Original: Charles Araújo

Está marcado para o dia 18 (Domingo) na Sede da Associação de Agricultores Familiares no Distrito da Barra de São Pedro em Ouricuri, a partir das 09:00 horas, o 4º Encontro do Movimento Todos Pela Pavimentação da PE 630. O Evento é aberto a todas as pessoas que defendem o asfaltamento da Rodovia estadual PE 630, que liga o Distrito de Rajada em Petrolina à Cidade de Trindade-PE, passando pelos municípios de Afrânio, Dormentes, Santa Filomena e Ouricuri.

Essa estrada teve início há mais de 30 anos, mas não foi concluída, devido aos descasos dos governos do Estado de Pernambuco, que nunca foram capazes de cumprir seus compromissos, de pavimentar a via que depende diretamente, as populações das regiões do Araripe e do São Francisco, o que resulta em grande atraso no progresso e desenvolvimento dos 6 (seis) municípios por onde passa a PE 630.

Chegou a hora de todos se unir em prol da Causa. Pois talvez a falta de efetividade nas cobranças aos governos, seja o motivo dessa obra ainda não ter sido concluída.

Da Redação do Blog do Paulo  Por Charles Araújo

Franlex concluirá neste sábado pintura em tela do Santuário da Venerada Santa Cruz

Pintura em óleo sobre tela do Santuário da Venerada Santa Cruz no interior de PE Foto: Gerisvan Tavares

Durante todo o dia deste sábado (03) o artista Francisco Alexandre de Macedo, mais conhecido como Franlex, retornará a Praça da Matriz para concluir seu trabalho em pintura em óleo sobre tela (lona de algodão). Nessa obra a imagem principal é o belíssimo Santuário da Venerada Santa Cruz, Cartão Postal da Cidade.

Os moradores poderão acompanhar de perto o talentoso jovem Franlex, que após retratar varias obras de artes por onde passou como por exemplo: Matriz de Araripina, Santa Filomena e inúmeros trabalhos artísticos como paisagens urbanas e figuras humanas,  dedicará o dia a conclusão de mais um trabalho com sua marca.

Por Gerisvan Tavares

Modelo serra-talhadense é finalista de concurso na Bélgica

A jovem foi a Europa a passeio visitar uma tia e acabou se apaixonando pelo lugar Foto: Arquivo Familiar

Mais uma serra-talhadense atravessa o mundo para brilhar e levar o nome da cidade para novos horizontes. Eveline Crislaine Pereira Santos, 26 anos, é modelo na Bélgica e está concorrendo a um importante concurso por lá.

A jovem foi a Europa a passeio visitar uma tia, Lucélia Gomes Pereira, e acabou se apaixonando pelo lugar e por Yannick Mullem, um jovem belga. Na nova casa, Eveline também começou uma nova carreira e acabou concorrendo ao Top Model Bélgica, na categoria Top Women Beauty (Beleza Feminina).

Para a carreira de modelo, Eveline estuda idioma e faz preparação física, além de aulas de passarela, e participa de ensaios fotográficos cotidianamente.

Ao Farol de Notícias, a jovem disse que se alegra com a oportunidade de participar do certame, mas como muitas meninas, Eveline confessou que não começou a carreira mais cedo por não acreditar no próprio potencial.

Certo dia, foi surpreendida com a aprovação do juri do concurso pela sua desenvoltura e beleza que a levaram a ocupar uma vaga nas semi-finais Top Model Bélgica.

“Sempre me perguntaram no Brasil e aqui Bélgica se eu trabalhava como modelo. Até tinha vontade, mas nunca me candidatei achando que não tinha potencial suficiente. Até que surgiu esse concurso e eu pensei: ‘é agora ou nunca’. Com a torcida das amigas e de minha tia eu me candidatei”, disse a serra-talhadense, confessando:

“Fiquei muito surpresa quando o juri me selecionou, estou nas semi-finais. O desfile será em março, na cidade Antuerpia e terá a seleção para a final, em Paris. E já estou feliz com a honra de ter chegado até aqui, é uma experiência incrível que levarei comigo sempre. E conto com a torcida de Serra Talhada”.

SAUDADE DE CASA

A jovem é filha dos serra-talhadenses Cicero Elias Bezerra, de 53 anos, e Lindinalva Gomes Pereira Santos, 47 anos, proprietários de um mercadinho na Rua Getúlio Vargas, no bairro São Cristóvão. Em Serra Talhada, Eveline estudou nas escolas estaduais Irmã Elizabeth e Cornélio Soares.

A doçura e simpatia de Eveline Pereira foram com ela para a Bélgica, e durante a entrevista fez questão de lembrar não só da saudade que sente da sua família, mas também dos amigos que deixou no Sertão do Pajeú. Há dois anos ela trouxe parte de sua família belga para conhecer a capital do xaxado.

“Gosto de morar aqui, gosto da cultura. O frio que é demais, mas sinto muita saudade da família; da minha melhor amiga Jessica Parente. Também sinto saudade do calorão do meu Brasil e da minha Serra Talhada. Quero deixar um grande beijo para todos os amigos, em especial Andresa Magalhães, familiares e conhecidos dai. Estive em Serra em 2016 com meu noivo e minha sogra. Eles amaram tudo, foi maravilhoso mostrar um pouco da minha cultura. Grata por ter a honra de ser entrevistada pelo Farol da cidade que amo”.

Por Manu Silva/Farol Noticias

Posts Populares