Anderlon José de Sousa Alencar, também conhecido como Nego foi preso nesta sexta-feira (19) por policias da Força Tática da 2ª Cia do 18º Batalhão da Polícia Militar, no bairro Montevidéu, em Angical do Piauí.

Ele estava em posse de 17 pedras de uma substância análogo ao crack, R$ 309 em dinheiro, um aparelho celular e três cartuchos de armas de fogo calibre 38 intactos. O material apreendido foi encontrado dentro de um veículo, que estava sendo conduzido pelo acusado.

Anderlon é irmão do vereador José Anderson, o Dedé, da cidade de Angical do Piauí, proprietário da rede loja Pâmela & Pérola.

O homem, juntamente com o material apreendido, foi levado para Delegacia de Polícia Civil de Amarante.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorFebre amarela matou 12 pessoas em São Paulo desde o ano passado
Próximo artigoTemer assina projeto de lei para privatizar Eletrobras
Paulo Gonçalves Arraes, nasceu em Araripina-PE em 1969, formado em Ciências com habilitação em Biologia pela FAFOPA, com cursos de Instrutor de Trânsito e Diretor de CFC (Auto Escola) pela UPE/Detran-PE, Vereador 1999/2000 (PSB) e 2001/2014 (PPS), Assessoria Política em campanhas eleitorais na Região do Araripe e em 2009 representou Pernambuco no Movimento pela Recomposição das Câmaras de Vereadores no Congresso Nacional em Brasília.