Frinordeste, frigorífico localizado no município de Amargosa, Centro-sul baiano, iniciou o abate de jumentos na quarta-feira (26). A unidade gera 150 empregos diretos e 270 indiretos. A empresa vai produzir cerca de 300 toneladas de carne por mês, que serão exportadas para o mercado asiático.

A operação do frigorífico é consequência das negociações realizadas pelo governador Rui Costa na Ásia. “Os 420 empregos gerados são resultado concreto da viagem que fizemos à Ásia em março de 2016. Retornaremos ainda este ano com o objetivo de confirmar investimentos de grande porte, que vão gerar ainda mais empregos e desenvolvimento para o nosso estado“, afirma Rui.

Um dos sócios da empresa, Mairton Souza enalteceu a iniciativa do Estado. “Ogovernador visualizou uma nova pecuária não apenas para a Bahia, como também para o Nordeste, para a região semiárida. Ele não mediu esforços, com apoio incondicional de todas as secretarias. Foi ele, inclusive, que trouxe os chineses e me apresentou“, lembra.

O Frinordeste funciona na área de um antigo frigorífico, que havia encerrado as atividades há dois anos. “Com a intenção de reabri-lo, o governador trouxe esse projeto novo. Para conhecer o mercado, nós iniciamos o abate, de forma experimental, no frigorífico da Chapada Diamantina [FrigoCezar], em Miguel Calmon. A partir desse teste, nós destinamos um frigorífico apenas para este tipo de abate“, acrescentou Mairton.

Objetivo

O objetivo é exportar a carne e também o couro animal, que será direcionado às indústrias de cosméticos e farmacêuticos. O projeto engloba desde a aquisição de jumentos de pequenos produtores rurais até a procriação pela empresa, inclusive com melhoramento genético da espécie na Bahia, a partir de animais trazidos da Ásia. As informações e foto são da Secretaria de Comunicação da Bahia.

Por Carlos Britto

COMPARTILHAR
Artigo anteriorProdutores rurais podem renegociar dívidas
Próximo artigoFiepe do Araripe promove curso gratuito sobre como evitar problemas trabalhistas
Paulo Gonçalves Arraes, nasceu em Araripina-PE em 1969, formado em Ciências com habilitação em Biologia pela FAFOPA, com cursos de Instrutor de Trânsito e Diretor de CFC (Auto Escola) pela UPE/Detran-PE, Vereador 1999/2000 (PSB) e 2001/2014 (PPS), Assessoria Política em campanhas eleitorais na Região do Araripe e em 2009 representou Pernambuco no Movimento pela Recomposição das Câmaras de Vereadores no Congresso Nacional em Brasília.